Masterclass com Christophe Desjardins



Nos dias 14 e 15 de Fevereiro, o violetista Christophe Desjardins irá orientar uma masterclass na ESART, em Castelo Branco.
A participação na masterclass tem um custo de 50€ para alunos da ESART e de 60€ para participantes externos.
O horário será das 10h às 18h. 

Destinatários: Violetistas alunos do ensino superior e secundário, bem como profissionais da área em geral.
Local: ESART-IPCB, Escola Superior de Artes Aplicadas - Inst. Politécnico de Castelo Branco (Campus da Talagueira, Avenida do Empresário 6000, Castelo Branco)
Horário: 10h-19h
Que tipologias de repertório pode ser apresentado no masterclass? Repertório de qualquer período.
Toco outro instrumento de corda friccionada (violino, violoncelo, contrabaixo). Poderei participar? Apesar da sua especialização, o Professor Desjardins está disponível para trabalhar com alunos de outros instrumentos que assim manifestem interesse.
Como se pode inscrever? A inscrição realiza-se através do e-mail diasdemusicaelectroacustica@gmail.com , onde deve estar incluído:
- Nome 
- Idade
- Escola / Instituição
- Breve CV

Qualquer questão, pode também ser remetida para o e-mail anterior.

Christophe Desjardins estará em Portugal para a realização de concertos e actividades organizados pelo Festival Síntese e Festival DME.


Biografia
O violetista Christophe Desjardins está envolvido de forma voluntária e apaixonada em duas esferas complementares: a criação, sendo um intérprete muito procurado por reconhecidos compositores internacionais, e ter o repertório do seu instrumento disponível a um público amplo.
Como solista, estreou obras de Berio, Boulez, Boesmans, Jarrell, Fedele, Nunes, Manoury, Pesson, Levinas, Harvey, Widmann, Stroppa, Cresta, Sebastiani e Rihm.
Como solista, tocou com orquestras como o Concertgebouw de Amsterdão, a NDR, WDR e SWR Sinfonie Orchestern, a Orquestra da Fundação Toscanini, a Orquestra Nacional de Lyon, a Orquestra Sinfónica Portuguesa e muitos outros ensembles e orquestras em toda a Europa.
Após a sua apresentação a solo com o Théâtre de la Monnaie de Bruxelas, tornou-se membro do Ensemble InterContemporain.
A sua discografia inclui “Diadèmes“ de Marc-André Dalbavie, sob a direção de Pierre Boulez, “Surfing” de Philippe Boesmans, “AssonanceIV” e ”…someleavesII…” de Michael Jarrell, “LesLettresenlacéesII” de Michaël Levinas e “SequenzaVI” de Luciano Berio, gravada para a Deutsche Grammophon.
O seu CD Voix d'Alto (vozes da Viola), dedicado à performance de obras de Luciano Berio e Morton Feldman, foi publicado em Janeiro de 2005 pela discográfica Aeon; Desde então, recebeu a aclamação mais prestigiada da imprensa francesa: Diapason d'Or, 4F da Télérama, Choc du Monde de la Musique.
Para que a música seja descoberta e percepcionada de forma diferente, criou produções envolvendo outras artes (poesia, dança, vídeo...): “era uma vez a viola”, “Viola/Multiples”, “Four Fragments for Harold”, “Violist Songs” ...
Christophe Desjardins toca com uma viola de Francesco Goffriller feita em Veneza por volta de 1720.
É professor na Hochschule für Musik Detmold (Alemanha) e no Conservatório Nacional Superior de Música de Lyon.
(fonte: http://www.christophedesjardins.com/)















Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Spatial Interpretation of Acousmatic Music • International Masterclass

Culture and Sustainable Cities - International Symposium